Arquivos da categoria: TAG

Metas para 2016

Oie!

feliz-2016

2016 começou há 11 dias e, pelo menos pra mim, será o ano de parar de protelar, ter determinação, aprender a superar meus limites e sair totalmente da minha zona de conforto. O ano passado foi um ano intenso, mas também muito desgastante, principalmente porque deixei muito de mim morrer – meus sonhos.

Mesmo assim, consegui cumprir quase toda minha lista de metas, então, nesse ano, quero transformar esse “quase” em “completamente”.

Enfim, listei novamente 15 itens para cumprir até o fim do ano:

1. Cuidar da saúde

Em 2015 estive doente diversas vezes. Grande parte por stress, mas que também refletiram de verdade na minha saúde. Na minha última visita ao médico vi exames e estou com o colesterol bem alto, além de gordura no fígado. A ideia é largar a preguiça, praticar algum exercício e comer melhor.

2. Publicar meu portfolio e falar mais sobre meu trabalho

Ser designer foi uma vontade minha desde os 16 anos e confesso que tinha mais coragem de expor meu trabalho antes, quando não era uma profissional, do que agora, que me formei e continuo estudando. A ideia é publicar mais meu trabalho, além de falar mais sobre processos e com isso aprender ainda mais.

3. Viajar mais

Essa é autoexplicativa, em 2015 viajei apenas para o Rio de Janeiro, no Rock in Rio. Esse ano pretendo aproveitar mais as oportunidades de conhecer novos lugares.

4. Desenhar

Comecei ano passado o projeto #365desenhos, que consistia em desenhar durante 365 dias do ano. Por ter sido uma meta tão rígida, acabei desistindo no dia 62. Esse ano quero continuar, mas sem cobranças e números . Quero desenhar um pouquinho por dia, além de estudar a parte teórica e pesquisar referências, para encontrar um estilo só meu =)

5. Retomar o Amo Quotes

Amo Quotes foi um projeto que comecei no final de 2014 no Instagram, para publicar quotes (citações) interessantes que eu guardo. Abandonei ano passado e agora quero retomar. Aliás, já comecei o ano bem, pois já cumpri essa meta e voltei a publicar lá. Me acompanhem \o/

6. Fazer layout pro blog

Bom, o ditado “casa de ferreiro, espeto de pau” vale totalmente pra mim. Mesmo trabalhando com design todos os dias e muitas vezes com o WordPress, até hoje não tive a vergonha na cara de montar um layout para o blog. Quero aproveitar pra estudar mais praticando com ele, então desse ano não passa.

7. Praticar mais o deboísmo

Como disse, fiquei muitas vezes doente por conta de stress. Não adianta nada, não ganho nada com isso. A ideia é rir mais, me divertir mais com a vida e ignorar mais o que me faz mal e ser mais positiva. Tá complicado, porque a tendência a reclamar é muito mais forte do que a de ficar grata e satisfeita. Mas quem disse que viver é fácil, não é mesmo?

8. Orar mais

Nas épocas de pressão, é muito fácil ficar reclamando ou implorando por ajuda. Mas a fé e a oração devem ser praticadas todos os dias, pra alimentar também nosso espírito. Você pode não acreditar, mas uma oração tranquiliza e mantém o foco no que é bom. Não digo em fazer uma oração baseado na religião X ou Y, mas o simples fato de se encontrar com você, de peito aberto e orar para que as coisas sejam as melhores possíveis, para que todos os que ama estejam seguros e manter esse pensamento, não mata ninguém.

9. Procrastinar menos

Pois é né, como falei, esse é o ano de fazer o que quero fazer, sem preguiça, sem deixar pra depois. Vou me esforçar muito pra que isso aconteça.

10. Ser mais independente

Com isso, leia-se: fazer mais coisas que são de casal, sozinha. Essa é minha realidade por quase 3 anos e eu ainda me pego “chateada” por não ter companhia para alguns programas. Meu primeiro desafio será ir ao cinema sozinha, por exemplo. Já aprendi que nossa melhor companhia somos nós mesmos, então me levarei para passear!

11. Ver mais meus amigos e família

Esse fim de 2015 e começo de 2016 foi muito bom nesse aspecto. Minha família praticamente inteira veio pra cá no natal, depois nos encontramos com o pedaço faltante para uma pizza e depois todo mundo se reuniu de novo no meu aniversário. Há tempos não me divertia tanto com eles, quero que isso se mantenha firme até o fim do ano e por muitos outros. Sobre meus amigos, quero ter mais tempo e disposição para vê-los com mais frequência, porque o tempo passa e só o que sobra são as lembranças dos momentos com as pessoas que amamos.

12. Conhecer mais SP

Apesar de morar em Osasco, SP é praticamente minha vizinha. Mesmo assim, conheço muito pouco dessa cidade enorme, e, quando digo conhecer, quero dizer ir em lugares novos e também turísticos que não conheço.

13. Correr

Bom, esse item está ligado com o item 1, meu projeto para 2016 no quesito esporte é começar a correr, e, até o fim do ano participar de pelo menos UMA corrida oficial. Hoje em dia existem várias, inclusive apenas para mulheres.

14. Desapegar

Sou muito apegada a tudo, principalmente a situações e sentimentos que nem sempre me fazem bem. Já passou da hora de saber a hora de desapegar e viver uma vida mais leve.

15. Ler 45 livros

Em 2015 eu li 32 livros no total. Não é uma média TÃO boa, já que em 2014 eu já tinha lido 39. Não gosto de definir números para leitura, porque deixa de ser prazer e vira obrigação, mas se conseguir desejo ler 45 – ou mais – livros nesse ano.

E vocês? O que planejam para esse ano que mal começou mas já considero pakas?

desenho-anonovo
Fiz um pequeno fluxo para ilustrar as mudanças que quero fazer, gostaram?