Livro: O ensaio sobre a cegueira – José Saramago

Ensaio sobre a cegueira - José Saramago

Finalizei o primeiro livro de 2015 \o/

Confesso que não tenho o hábito de ler autores conceituados como Saramago por pura “ignorância”. Acabo comprando livros mais relacionados aos que eu já li e não dou a chance para outros, mas ganhei de aniversário (junto com um do Luis Fernando Verissimo que também gostei muito, chamado Os Espiões) e gostei muito.

Bom, para quem nunca leu o livro ou viu o filme, Ensaio Sobre a Cegueira retrata um mundo onde as pessoas, uma a uma e sem motivo, ficam cegas. Aos poucos essas pessoas são encaminhadas à quarentena: isoladas, desorientadas e sem esperanças de cura. São obrigadas a lidar com as atividades que antes eram comuns e passam a ser quase impossíveis, como comer, ir ao banheiro, se limpar etc.

Gostei muito da história e como as dificuldades e superações são trabalhadas. Algumas situações críticas são retratadas com tanta riqueza de detalhes, que é como se estivesse acontecendo com você (o que causa um pouco de terror e angústia).

No início tive um pouco de dificuldade com o estilo de escrita de Saramago, que é mais antiquada, com termos antigos e diálogos que aparecem no meio das sentenças.

A única coisa que me incomodou um pouco foi a velocidade do final. Como disse, a história é toda bem amarrada, cheia de suspenses e dificuldades. Entendo que o objetivo era outro e ele foi atingido, mas achei que a história foi totalmente acelerada no fim. De qualquer forma, é um livro recomendadíssimo.

“É como tudo na vida, dêem tempo ao tempo, e ele se encarrega de resolver.”

“Penso que não cegámos, penso que estamos cegos, Cegos que vêem, Cegos que vendo, não vêem.”

Nota: 9/10
Autor: José Saramago
Páginas: 310

2 comentários sobre “Livro: O ensaio sobre a cegueira – José Saramago

Deixe uma resposta